Um Dia no Pinhão

Douro2014 - 16Estação Ferroviária do Pinhão

Durante a nossa estadia no Vintage House Douro (ver), tivemos oportunidade de passear (mais uma vez) pelo Pinhão, que se situa na margem direita do rio Douro, e é o centro da região demarcada do Vinho do Porto.

O Pinhão é uma pequena freguesia que pertence a Alijó, e a sua paisagem está classificada pela UNESCO como património cultural da humanidade.

Douro2014 - 9O Pinhão em pano de fundo

Já tínhamos estado no Pinhão algumas vezes e sempre que lá vou adoro! Não pela arquitetura dos edifícios que infelizmente não é das mais bonitas, aliás, não é nada bonita mesmo! Mas a paisagem envolvente faz-nos esquecer de tudo isso!

Douro2014 - 10

O Pinhão não é grande, aliás, é até bem pequeno, mas há uma série de coisas bem interessantes para se fazer e assim passar um dia em perfeita comunhão com o Douro e a Natureza.

pinhao - 1Estação Ferroviária do Pinhão

Podem optar por fazer como nós e irem ao Douro sempre que tiverem oportunidade. E para isso vou enumerar uma série de pequenos prazeres a que podem aceder a partir do Pinhão neste pequeno paraíso que é o Douro.

Este foi um dos nossos roteiros, de um dia apenas.

dourox_196Miradouro de Casal de Loivos*

Casal de Loivos:
Optamos por começar de manhã bem cedo e após um maravilhoso pequeno almoço no Vintage House, fizemos um pequeno desvio até Casal de Loivos. Esta pequena localidade, na zona mais alta do Pinhão, tem um Miradouro de cortar a respiração!

Uma das imagens mais idílicas que já tive o prazer de vislumbrar. Basta perguntarem a algum habitante do Pinhão onde fica e eles indicar-vos-ão.

 Douro2014 - 22O Pinhão e o Douro vistos de Casal de Loivos

dourox_6PipaDouro e Vintage House

PipaDouro:
Há algo melhor do que conhecer a região do Douro a partir do próprio rio? Navegar entre os montes repletos de vinhas e socalcos? Não, não há!

E por isso depois duma vista perfeita do Miradouro e de ter o Douro a nossos pés nada como abraçar o rio pelo seu coração.

O PipaDouro não é apenas um serviço de barcos, o PipaDouro é o serviço, que além de buscar a excelência, funciona sem destinos, em que o próprio cliente decide o que quer, tudo criado para tornar a nossa experiência, “A Experiência”!

Douro2014 - 8m

Fizemos uma viagem de cerca de duas horas no barco Friendship I (também já passeamos no mais pequeno e igualmente encantador Pipadouro II). O Pipadouro encontra-se mesmo em frente ao Hotel Vintage House Douro, podem embarcar aí, mas como é óbvio, convém reservarem antes.

Para ficarem a saber mais sobre este assunto leiam o artigo do João (ver).

Douro2014 - 2m

Optamos por fazer uma breve paragem e almoçar num dos restaurantes locais,  mesmo em frente ao rio, comidinha simples e caseira ao bom estilo do interior, com um preço bastante acessível. Podem também optar por almoçar numa das Quintas do Douro.

pinhao - 3Os bonitos azulejos da estação contam a história do Douro e da sua gente

De tarde continuamos o nosso passeio pela pequena vila, passando pela emblemática estação Ferroviária do Pinhão, outrora o mais importante ponto de ligação das gentes da terra com o exterior e que potenciou o desenvolvimento da mesma, com os comércios a instalarem-se junto da estação onde diariamente confluíam as pessoas de todas as terras em redor.

Podem também fazer um pequeno passeio de comboio entre o Pinhão e o Tua, sempre junto à margem do Rio ou até optar por chegarem aqui vindos do Porto, numa viagem que dificilmente esquecerão.

Douro2014 - 11

Quinta do Bomfim - 14

Quinta do Bomfim:
Seguimos o nosso passeio em direção à Quinta do Bomfim uma das mais emblemáticas da região que alberga agora o mais recente centro de enoturismo da família Symington.

Quinta do Bomfim - 18

É um local a não perder no Pinhão e tem um maravilhoso terraço sobre o Douro, que por si só já valeria a visita!

Para ficarem a saber mais sobre este assunto leiam o artigo do João (ver).

Douro2014 - 19

Talho Qualifer:
Daqui voltamos à zona da estação (cerca de 5 min) para visitar um sítio ao qual voltamos sempre que visitamos o Pinhão, o Talho Qualifer.

Este pequeno talho não é bem aquilo a que estamos habituados quando vamos ao nosso fornecedor habitual, em primeiro lugar é a casa de uma figura diferente, Fernando Rebelo, o Talhante. Quando o visitamos a primeira vez só nos conseguimos lembrar do famoso talhante italiano Dario Cecchini célebre por encantar os turistas na pequena localidade de Panzano in Chianti.

  dourox_175       dourox_166       Douro2014 - 17

Mas aqui a história não é sobre Dante ou os gigantescos costoletões, mas sim sobre uma magistral forma de servir e de apresentar o seu trabalho, mais concretamente o fumeiro. Aqui existem enchidos para todos os gostos e feitios e de todos os géneros, reza a lenda que alguns cortam o efeito do álcool e que outros são até bons para tratar a celulite.

Mezinhas à parte, aqui encontramos todo o tipo de corte do porco transformado em fumeiro, das linguiças e chouriços às febras ou costeletas, sem esquecer um maravilho bacon ao qual nunca conseguimos resistir.

Douro2014 - 18

Douro2014 - 5Quinta das Carvalhas

Caso tenham tempo ou optem por ficar mais dias na região (vale bem a pena), visitem alguns dos mais importantes produtores de vinhos do Douro e Porto, muitos deles localizados bem nesta importante zona do “Cima Corgo”. Da imponente Quinta do Noval, à Quinta das Carvalhas da Real Companhia Velha, da Niepoort à Wine & Soul, da Quinta de la Rosa à Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo, as opções são muitas e  para todos os gostos, dos vinhos mais clássicos e históricos aos mais irreverentes.

Devem ter em atenção que muitas destas Quintas não estão de portas abertas ou preparadas para o enoturismo, pelo que a visita deve ser agendada atempadamente.

Além disso podem circular pela N222 entre o Pinhão e a Régua, a estrada que separa o Douro das suas belíssimas Quintas e que foi recentemente eleita a melhor estrada do Mundo para conduzir.

Embarquem nesta aventura e deixem-se levar pelos encantos do Douro.

English Version

Photos: Flavors & Senses

* Óculos Porsche Design by Carrera (Vintage) powered by Óptica do Porto

This entry was posted in Cidades and tagged , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

7 Comments

  1. Bernadete Maciel
    Posted Agosto 1, 2015 at 2:15 pm | Permalink

    Simplesmente magnifico esse passeio. Já faz parte de meu roteiro de viagens, assim que for ao Porto. Parabéns.

    • Posted Agosto 1, 2015 at 10:23 pm | Permalink

      Olá Bernadete,

      Vai ver que vai adorar.

      Obrigado!

      • Bernadete Maciel
        Posted Agosto 3, 2015 at 1:32 pm | Permalink

        Olá João, tudo bem? Sabe que salvei em “favoritos”, Um dia no Pinhão. E vim aqui novamente, rever o assunto e as fotos, quando notei que me respondeu ao comentário que lhe fiz. Fiquei surpresa em ver que não passei despercebida. Eu gosto muito de saber sobre Porto, e tudo relacionado a ele. As quintas às margens do douro são lindas, enfim, tudo é belo ai. É o que você disse mesmo, que vou adorar o passeio. Sou brasileira, mas eu e minha família temos descendencia portuguesa. Gostaria de poder tirar algumas dúvidas e saber mais sobre essa linda cidade. Então, agradeço a atenção, até mais.

  2. antonio garcia costa
    Posted Setembro 9, 2015 at 5:36 pm | Permalink

    boa tarde
    gostava de saber se seria possível passar um dia a ajudar na vindimas, somos um grupo de amigos estamos interessados em passar um dia a vindimar e assistir a transformação das uvas,
    cump.
    Garcia costa
    966231488

  3. José Arnaldo Alves
    Posted Outubro 21, 2015 at 11:42 pm | Permalink

    Em momento algum você falou sobre a Quinta do Crasto. Gostaria de saber se conhecê-la é uma boa opção. No mais as demais dicas foram muito úteis. Obrigado.

    José Arnaldo

    • Posted Outubro 25, 2015 at 5:13 pm | Permalink

      Estimado José,

      Obrigado pelo seu comentário! Não referimos a Quinta do Crasto porque não fica bem junto ao Pinhão apesar da curta distância. Visitar a Quinta vale garantidamente a pena, desde os seus grandes vinhos, a sua adega e a sua já mítica piscina. Deve fazer reserva!

      Um abraço,
      João Oliveira

One Trackback

Napisz odpowiedź na antonio garcia costa. Anuluj odpowiedź

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*