Horta dos Reis

Um dos mais conhecidos restaurantes de Vila Nova de Gaia, quer pela deslumbrante vista sobre o rio e o centro histórico, quer pela sua cozinha que aliava o tradicional com as técnicas e apresentação mais modernas, viu a sua imagem ser transformada em finais de 2012. Manteve-se o espaço amplo, com vocação para festas e casamentos, e tornou-se a decoração mais alegre e colorida, a gerência ficou mas a cozinha, essa foi remodelada, passando a ter na mão do jovem chef portuense João Pupo Lameiras (Casa de Pasto da Palmeira) o seu novo instrumento.

A refeição começou com uma saborosa pasta de fígado com pimenta rosa  à qual se seguiram a bom ritmo os pratos escolhidos.

Alheira de caça, chutney de ananás e cebola roxa (7€)
Boa a alheira, panada com panko e com excelente fritura, melhor ainda o chutney que merece destaque por si só.

Caranguejo de casca mole, chutney de ananás e cebola roxa
Em contraste com a alheira, aqui a técnica ficou aquém do esperado, o caranguejo estava no ponto e saboroso, mas a polme que o envolvia estava mole e com bastante óleo. O excelente chutney funcionou muito bem como acompanhamento.

Vieiras, ovo e risotto de limão (17€)
Diz a tradição que se comem maus risottos pela cidade do Porto, aqui foi uma das grandes excepções à regra, cozinhado no ponto, cremosidade certa e bom de sabor. Um excelente acompanhamento para umas saborosas e bem preparadas vieiras. Destaque ainda para a gema cozinhada a baixa temperatura que ligou bem com os restantes elementos do prato.

Croquetas de Bacalhau e presunto, arroz caldoso de tomatinhos assados (15€)
As croquetas foram o prato menos interessante da noite, bem preparadas quer em termos de textura e confecção, no entanto é no sabor intenso e no recheio demasiado pesado que perde pontos. Por seu lado o arroz de tomatinhos assados estava imaculado e dava vontade que todo o prato fosse aquele arroz.

Falso Cheesecake de frutos vermelhos, ovos moles e sorbet
Em poucos restaurantes as sobremesas conseguem acompanhar a qualidade da refeição em alguns, como é o caso deste consegue mesmo supera-lá. A criativade é espevitada e o sabor saiu reforçado. Bem apresentado, com excelente creme de queijo com framboesas, pouco doce para se poder usar a pequena “pomada” de ovos moles, e sorbet com excelente relação entre sabor, frescura e textura. As petazetas foram uma agradável surpresa.

Infância, Bolo de chocolate, espuma de pipocas, gelado de cerelac, oreos, pintarolas e massa de bolo (5€)
O mais divertido momento da noite, com a presença de todos os sabores dos elementos descritos. Magnífica a espuma de pipoca e o gelado de cerelac.  Uma sobremesa para quem quiser relembrar os seus bons momentos de criança.

A carta de vinhos tem opções para todos os gostos e preços, servidos de forma correta e com algumas opções a copo.

O Serviço de sala  é cordial, um pouco desatento e com simpatia q.b., um ponto que merece ser melhorado em casa cheia.

Considerações Finais
O Horta dos Reis é um espaço rejuvenescido mas com marcas de quem veio para ficar, a imagem está modernizada assim como seu conceito. O espaço merece por estes dias umas mesas postas no jardim com uma das melhores vistas sobre o Porto. A identidade, essa, ainda esta a ser trabalhada, penso que a irreverência das sobremesas será o caminho a seguir no resto da carta, mas é uma aposta que dependerá muito da vontade de arriscar da gerência e dos gostos dos seus comensais. Tem altos e baixos, pontos excelentes e coisas a melhorar como o serviço de sala. No final  saímos com vontade de voltar…

Horta dos Reis
Rua Camilo Castelo Branco 947,V.N.Gaia
220 915 911

This entry was posted in Restaurantes - Porto and tagged , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

One Comment

  1. Posted Abril 16, 2013 at 5:12 pm | Permalink

    Sempre gostei deste restaurante, principalmente da açorda de marisco 🙂
    Tenho que lá voltar.

Napisz odpowiedź na Ana Rita Lebreiro. Anuluj odpowiedź

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*