Côrte Real – ENCERRADO

Localizado na zona nobre da cidade do Porto, a Foz do Douro, o restaurante Côrte Real, é o exemplo da transformação positiva de uma casa num restaurante, de decoração simples mas com gosto, onde se conseguiu um espaço acolhedor e apelativo. A esplanada é pequena mas fantástica, principalmente para aproveitar as poucas noites quentes que se têm feito sentir.

O primeiro contacto foi interessante e criou expectativas quanto à refeição, que começou com um modesto couvert (2€ pp), constituído por alguns pedaços de pão e uma simples manteiga, pelo preço deveria ser melhor, bem melhor. Seguiram-se as entradas/petiscos onde a casa parece ser forte e reina uma certa influência da cozinha espanhola, iniciamos com um delicado presunto espanhol (8,9€) , bem cortado à mão e de excelente sabor, um must.

Ovos rotos com presunto (6,8€)
Pondo de lado a calculadora de calorias e colestrol, este clássico espanhol, não estando brilhante (as batatas deveriam estar mais crocantes e as gemas menos cozinhadas), tinha bom sabor e revelou-se numa boa e completa entrada.Uma boa opção.

Ovos Revueltos, gambas e espargos (6,1€)
Lembro-me da descrição do prato dizer “ovos levemente mexidos”e eu gosto disso, ovos pouco mexidos, cremosos e untuosos. Mas a verdade é que não foi isso que me serviram, diria que seria mais uma omelete, bem sequinha, posteriormente esquartejada. A verdade é que esta combinação tem tudo para dar certo e o difícil é estragar o conjunto, mas a verdade é que aqui o prato precisa de mais alguma dedicação, deveria ter mais e melhores espargos e os ovos precisam de ser “levemente mexidos”.

Bacalhau com Broa (16€)
Este pareceu-me ao longo da noite o must have da casa, sendo o prato que mais circulou pelas mesas na nossa visita. Bem acompanhado de cebola, couves e cenoura, bem ligado por azeite de qualidade e umas saborosas batatinhas com casca. O pedaço de lombo de bacalhau  era alto e com lascas, mas estava um pouco duro, cozinhou demasiado e perdeu a albumina. Contudo não deixa de ser uma boa opção para os apreciadores do fiel amigo.

Folhado de Pombo bravo, salada e arroz branco (14,5€)
Massa bem folhada, com o brilho de ovo ligeiramente queimado, bem recheado de carne de pombo desfiada, no entanto faltava alguma humidade e suculência no interior do folhado.Modestamente acompanhado de salada e arroz branco, do qual se esqueceram mas que acabou por ainda chegar a tempo.

Leite-Creme (3,2€)
Apesar do medo no uso do açúcar e do ferro, e da pouca quantidade do dito leite-creme (a taça engana), estava bem confecionado, cremoso, doce q.b. e com boa textura.

A carta de vinhos deveria ser melhor catalogada, mas conta com boas opções e preços correctos, lamento apenas que não existam mais e melhores opções de vinho a copo. Acompanhamos a refeição com um jovem tinto de 2010 da Quinta do Vallado (15€).

O Serviço foi uma das lacunas do restaurante, mais pela falta de funcionários do que propriamente por falta de capacidades ou know how, a lentidão no serviço era resultado de uma casa cheia, sem mãos a medir. Algo estranho é o facto de grande parte dos pratos serem  empratados pelos funcionários de sala, que poderia resultar e ser uma experiência interessante se fosse feito junto da mesa dos comensais, mas por falta de espaço o mesmo acontece ao balcão, roubando tempo, elegância e sem benefícios para os mesmos ou para a clientela. Na cozinha as falhas foram acontecendo sempre em torno de tempos de cozedura.

Considerações Finais
O Côrte Real é um restaurante ainda jovem, foi inaugurado em 2010, tem ainda uma boa margem de progressão, contudo quem se compromete a fazer cozinha tradicional portuguesa, sem inovação e a cobrar bem por isso, deve ter mais atenção a determinados pontos. O restaurante pareceu-me um bom local para desfrutar de um copo e uns petiscos, preferencialmente na esplana, as opções ao almoço por 11€, eram interessantes, variado diariamente dentro de pratos típicos. Já no menu à carta perdem pontos na relação preço/oferta, principalmente dada a zona em que estão inseridos e a concorrência apertada de restaurantes clássicos da cidade como o Shis, Cafeína, Terra ou o Foz Velha. No entanto a casa estava cheia pelo que a aposta parece estar a correr bem…Aprovar

Côrte Real
Rua Corte Real 289, Porto
226169073

This entry was posted in Restaurantes - Porto and tagged , , , , . Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

3 Comments

  1. jaahnh
    Posted Setembro 12, 2012 at 10:33 am | Permalink

    restaurante pertence a uma cambada de enganadores desonestos e mandriões!
    Nao reconhecem valores nem respeitam as pessoas.
    Infelizmente os clientes nao sabem com quem lidam e as aparências enganam MUITO!
    Mas Deus nao dorme e tudo se paga neste mundo.

  2. joana landeau
    Posted Junho 9, 2013 at 8:56 pm | Permalink

    restaurante muito badalhoco!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    OS PARÕES DO RESTAURANTE ENGANAM A CLIENTELA COM OS PREÇOS

  3. Nelson Neves
    Posted Outubro 24, 2013 at 10:31 pm | Permalink

    Confirmo que o restaurante não vale nada. É uma gente de baixo nível.

Napisz odpowiedź na Nelson Neves. Anuluj odpowiedź

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*